Uma técnica instântanea que aumenta a nitidez

Inscreva-se na Lista VIP Gratuita para receber muitas outras dicas como essa: http://www.viverbemsempre.com.br/olhos

Se eu te dissesse que existe uma única técnica muito simples para aumentar o foco e nitidez da sua visão enquanto você está lendo, você acreditaria?
O olho humano pode ser incentivado a “funcionar” de maneiras simples e que podem ser utilizadas no dia-a-dia. Para isso, você precisa adotar alguns exercícios naturais, que são ótimos para melhorar diversos aspectos da sua visão. Esta, por exemplo, é uma forma de aperfeiçoar sua função de nitidez, mesmo que ela esteja um pouco prejudicada e você use óculos.

Antes de tudo, é preciso entender como funciona um olho humano

Antes de tudo, você precisa entender como funciona o olho humano. O globo ocular fica acondicionado dentro de uma cavidade óssea e protegido pelas pálpebras. Ele possui seis músculos em seu exterior que são responsáveis pelos movimentos oculares, além de três camadas concêntricas aderidas entre si com a função de visão, nutrição e proteção.

A camada externa é constituída pela córnea e a esclera e serve para proteção. Já a camada média ou vascular é formada pela íris, a coroide, o cório ou uvea, e o corpo ciliar. A camada interna, por sua vez, é constituída pela retina (parte nervosa).

Na anatomia do olho humano também está o humor aquoso, um líquido incolor que existe entre a córnea e o cristalino. O humor vítreo é uma substância gelatinosa que preenche todo o espaço interno do globo ocular entre o cristalino e a retina. Tudo isso funciona para manter a forma esférica do olho.

-->

Quem também forma o olho humano é o cristalino. Se você não sabe o que é, ele é uma lente que fica lá dentro dos olhos. Está situado atrás da pupila e orienta a passagem da luz até a retina. A retina é composta de células nervosas que levam a imagem por meio do nervo óptico para que o cérebro possa interpretar as imagens que são captadas.

O cristalino ficar mais delgado ou espeço não importa muito. Estas mudanças ocorrem no olho humano de modo a desviar a passagem dos raios luminosos na direção da mancha amarela. À medida que os objetos estão mais próximos, o cristalino fica mais espesso. Para objetos à distância, ele se torna mais delgado. Esse processo é chamado de acomodação visual.

O olho humano ainda representa as pálpebras, sobrancelhas, glândulas lacrimais, os cílios e músculos oculares. A função dos cílios (ou pestanas) é impedir a entrada de poeira e excesso de luz. As sobrancelhas, nesse processo, impedem que o suor da testa não entre em contato com os olhos.

A membrana conjuntiva reveste internamente duas dobras da pele que são as pálpebras. Elas são responsáveis pela proteção dos olhos e para espalhar as lágrimas. As glândulas lacrimais, que produzem esse líquido, o espelham por meio dos movimentos das pálpebras lavando e lubrificando o olho humano.

O ponto cego é o lugar de onde o nervo óptico sai do olho humano. É chamado assim porque não existem receptores sensoriais no local. Dessa forma, não há resposta à estimulação.

O olho humano: sua nitidez ainda melhor

Agora que você conhece a anatomia do olho humano, fica mais fácil entender como pode ajudar sua visão a ter mais nitidez. Existe uma maneira de melhorar instantaneamente a nitidez das letras de perto e de longe. Para isso, você precisa separar qualquer hora do seu dia. Preste atenção: de dia!

Para exercitar o olho humano, você precisa tirar os óculos. Para facilitar sua leitura sem eles, você não precisa forçar a visão. Entenda: é diferente fazer uso deles quando não precisa. À medida que for fortalecendo os olhos, você irá precisar ainda menos desse “acessório”.

O exercício consiste em ler no sol! Isso mesmo. Pegue seu livro, saia de dentro de casa e vá ler ao ar livre. Vale até ficar ao lado de uma janela. O importante é ter sol por perto. Você vai perceber como a leitura ficará mais fácil sem os óculos, que nem vai precisar forçar a visão.

O olho humano, principalmente de quem usa lentes corretivas, fica até com dificuldades no começo. Mas isso é por conta da sensibilidade, e não da dificuldade do exercício em si. Aproveite para ler no sol tanto de perto quanto de longe.

Essa técnica funciona porque quando você sai à luz do sol, suas pupilas se contraem. Por esse motivo, acabam criando mais foco. Você vai contrai-las por conta da luz forte e obter mais foco momentaneamente.

O que melhora também com esta técnica é o contraste. Uma letra preta no papel branco é legível. Já uma letra amarela no papel de mesma cor é mais difícil de ler. Quando há mais luz, você aumenta o contraste da letra com a folha, o que ajuda a melhorar a leitura.

Quando você quiser estimular seu olho humano sem óculos, aproveitando sua visão natural, vá para o sol e deixe seus olhos aproveitarem a luz do ambiente. Eles precisam dela tanto quanto você. Aproveite!

Perfil do Autor

Chefe de Redação
Chefe de RedaçãoAnalista de Sistemas
Nome Domingos, formado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, amante da tecnologia e trabalha com desenvolvimento de sites/blogs em wordpress
Cidade: Rio de Janeiro

Estudante dos Idiomas:
- Inglês
- Japonês

Chefe de Redação

Nome Domingos, formado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, amante da tecnologia e trabalha com desenvolvimento de sites/blogs em wordpress Cidade: Rio de Janeiro Estudante dos Idiomas: - Inglês - Japonês

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 + 5 =

%d blogueiros gostam disto: